26.mar.13
Lacunas
Por Lêo Schallenberg

Quando os problemas da vida parecem complicados demais para suportar, quando 24 horas em um dia não são suficientes, lembre-se do pote de maionese e, das cervejas…

Vai parecer uma daquelas histórias encaminhadas por email, e pode ser que até já a conheçam. Mas enfim, fala de maionese e cerveja. So, why not? :D

Enjoy!

Um professor estava diante de sua classe de filosofia com alguns itens na mesa. Quando a aula começou, sem dizer nada, ele pegou um pote grande e vazio de maionese e começou a enchê-lo com bolas de ping-pong.

Ele perguntou aos alunos se o vidro estava cheio. Eles concordaram que sim.

Então pegou uma caixa de pedrinhas bem pequenas e derramou dentro do frasco. Agitou e as pedras preencheram os espaços entre as bolas. Assim, perguntou novamente se o vidro estava cheio. Eles então, concordaram que estava.

O professor pegou uma caixa de areia e derramou dentro do frasco. A areia preencheu o resto. Ele perguntou novamente se o vidro estava cheio. Os estudantes responderam com um unânime “sim”.

Finalmente, retirou uma lata de cerveja debaixo da mesa e derramou todo o conteúdo preenchendo todos os espaços vazios.

Os estudantes riram.

“Agora”, disse o professor, “Eu quero que reconheçam que este frasco é a vida. As bolas de ping-pong são as coisas importantes – suas familias, seus filhos, saúde, seus amigos, suas paixões – coisas que, se todo o resto estivesse comprometido e somente elas permanecessem, suas vidas ainda teriam sentido. Estariam “cheias”. As pedrinhas são as outras coisas que importam, como seus empregos, casa, carro. A areia é todo o resto – as pequenas coisas.”

“Se vocês colocarem a areia primeiro no vidro, “continuou ele,” não haverá espaço para os palitos e as bolas de ping-pong. O mesmo vale para a vida. Se gastarem todo o tempo e energia em coisas pequenas, nunca terão lugar para as coisas que são importantes para vocês. Prestem atenção às coisas que são críticas para a felicidade. Brinquem com seus filhos. Tirem um tempo para fazerem exames médicos. Saiam com a namorada ou namorado para jantar fora. Sempre haverá tempo para limpar a casa e arrumar tudo. Cuidem das bolas de ping-pong primeiro, as coisas que realmente importam. Definam suas prioridades. O resto é só areia.”

Um dos estudantes levantou a mão e perguntou o que a cerveja representava.

O professor sorriu. “Fiquei feliz pela pergunta. Ela só vai para mostrar que não importa o quão cheio sua vida possa parecer, sempre há espaço para umas cervejas no fim do dia “.

…para o happy hour, é claro

Tags:
Sobre Lêo Schallenberg
Lêo Schallenberg

O Alemão mais gente boa da parada! Músico, professor de inglês e atleta de fim de semana. Sempre disposto a colocar a mão na massa, bom ouvinte e não tem medo de arregaçar as mangas para resolver o que precisa ser resolvido.

Comentários